CF9J FITNESS | ALIMENTAÇÃO PRÉ TREINO

Tempo de leitura: 3 minutos

Olá!

Hoje demos início oficialmente ao nosso desafio e as dúvidas já estão chegando! Vamos falar um pouco de cada dúvida que for surgindo! Hoje falaremos do PRÉ TREINO:

Antes de qualquer coisa devemos entender o seguinte: na nutrição temos sempre que levar em conta o princípio da individualidade (algo que sempre abordo para responder qualquer dúvida). Às vezes o que foi bom para você não fará efeito para outra pessoa; pois o metabolismo é outro, a rotina é outra, as preferências são outras e assim por diante!

Com isso existem pessoas que se adaptam comendo antes do treino, outras que não conseguem pois se sentem mal! (Dúvidas como: “Ah Mari mas eu posso treinar em jejum?”, “Se eu treinar sem comer não vou perder massa magra?” – serão assuntos que abordaremos em breve).

Você só vai saber o que se encaixa para você quando você aprender a  “ouvir” o seu corpo e para isso temos que testar e observar como respondemos e nos adaptamos melhor!

Vamos lá:

  • QUANTO TEMPO ANTES DO TREINO DEVO COMER?

Algo que sempre falo é que comer 30 minutos antes do treino é algo que não faz tanta diferença quando pensamos no fato de obtermos energia para treinar que seja proveniente dessa refeição. Pois vamos pensar em uma pessoa que comeu 30 minutos antes do treino 100g de Batata Doce e 100g de Frango, e foi se exercitar, dificilmente a fonte de energia será dessa refeição! Essa refeição provavelmente ainda estará no estômago passando pelo processo digestivo e para ser absorvido pelas células musculares esse processo demoraria muito mais do que 30 minutos.  Também devemos nos atentar e levar em consideração que para o processo de digestão acontecer temos um grande fluxo sanguíneo no trato gastrointestinal, o que não é interessante acontecer durante o exercício, visto que precisamos do fluxo sanguíneo nas células musculares! O ideal seria essa refeição ter sido feita no mínimo 1 hora antes! (Levando em consideração refeições sólidas. As líquidas possuem absorção mais rápida!)

  • O QUE DEVO CONSUMIR?

Procure consumir CARBOIDRATOS de Baixo índice glicêmico (IG) (pois não fará com que sua insulina tenha picos e cause “rebote”,que seria uma queda, durante o treino) e uma PROTEÍNA!

Exemplos de Carboidratos de Baixo IG: Brócolis, Abobrinha, Batata Doce, Pêra, Maçã, Tomate, Morango, Framboesa, Abacate, Abacaxi. (Algumas pessoas consomem frutas com IG mais alto e se sentem bem durante o treino, nesses casos devemos nos atentar para o objetivo, a quantidade, a intensidade do treino e a individualidade).

Exemplos de Proteína: Pasta de Amendoim, Pasta de Castanhas, Whey Protein, Castanhas, Frango, Carne Vermelha, Peixe, Ovos, Cogumelos, Iogurte, Queijos, Leite (para quem gosta e consome).

E as GORDURAS BOAS e FIBRAS podem ser consumidas?

Podem em pequenas quantidades pois em grande quantidade podem causar desconforto intestinal durante o treino.

 

Com relação às quantidades isso vai depender de cada caso!

Sempre busque conhecer seu corpo, seus limites e como você se sente melhor durante o treino!

Observação importante: procure sempre seguir o que seu (ua) nutricionista passou, pois ele se baseou no SEU caso! Nunca mude nada sem antes conversar com ele (a), pois isso pode prejudicar seus resultados!

Ficou com dúvida? Pode me mandar um e-mail que te respondo: mariferrarinutri@gmail.com

Mariana Ferrari

Nutricionista Clínica e Esportiva